Surge o Primeiro Governo Indígena Autônomo Do Peru

No dia 29 de novembro, na comunidade Soledad, localizada na bacia do Rio Santiago de Peru, 300 representantes de 800 comunidades da etnia Wampis decretaram a formação do primeiro governo indígena autônomo do Peru.

A Nação Wampis decretou seu primeiro governo, aprovou seu Estatuto constitutivo e divulgou sua primeira medida.

Um dos principais objetivos do governo Wampis é a defesa do territorio ancestral, que compreende 1.3 milhões de hectares de floresta tropical.

Wrays Perez Ramirez, foi eleito primeiro Pamuk, ou, Presidente do Governo Territorial Autônomo da Nação Wampis. Com relação a esse nome “ a decisão histórica contribuirá ao cumprimento de seus compromissos assumidos para proteger a amazônia peruana como parte de seu objetivo para enfrentar as mudanças climáticas”.

Na ocasião, Andrés Noningo Sesen, um waimuku, um pajé wampi, explicou que tomaram essa decisão “como estratégia de defesa territorial; como resposta aos esforços de nos dividir por comunidades”.

E acrescentou: “Ainda seremos cidadãos peruanos, mas esta unidade nos dará a força política que necessitamos para explicar nossa visão ao mundo, ao estado e as empresas que sómente veem o ouro e o petróleo nos nossos rios e florestas”.

A criação do Governo Territorial Autônomo Wampis é resultado de um processo de vários anos, sustentado em estudos antropológicos, jurídicos e biológicos. Para elaborar seu Estatuto, a nação Wampis realizou mais de 50 reuniões comunitárias e 15 assembléias gerais.

Artigo baseado em informação da Agencia de Notícias SERVIND
Publicado, em 3 de novembro, pelo site desinformenonos.org.mx
Tradução: Tomi Mori

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s